O mundo das startups em Portugal

Ideias

As tuas ideias valem uma startup?

Um empreendedor é alguém repleto de ideias, sempre a magicar o próximo negócio. Mas como saber que ideias valem a pena investir e criar uma startup e quais devem ser postas de lado, pelo menos por um tempo?

Garrett Camp, co-fundador da aplicação de boleias Uber e do StumbleUpon, discutiu o assunto numa entrevista ao 99u. Aqui ficam as três dicas que partilhou.

1. Ouvir outras opiniões

“Tento escrever todas ideia que tenho e depois coloco-as em categorias. Depois, discuto as ideias com meus amigos, colegas, investidores e vejo qual a reacção deles. Muitas vezes, retomo ideias antigas para ver se ainda fazem sentido. Se tiver sorte, irei encontrar alguém empolgado e a ideia acabará por se materializar. No caso do Uber, tive a ideia na minha cabeça durante cerca de um ano.”

2. Empolgue-se desde o início

“Definitivamente estou mais interessado no estágio inicial [da startup]. Quando pensei na ideia que viria tornar-se o Uber, levou um certo tempo até termos um sistema a funcionar e ninguém se lembra desses dois primeiros anos, porque estás a trabalhar na obscuridade. Mas esses dois anos são muito importantes porque é quando tens uma ideia arrojada, analisas todas as questões, desenhas todo o sistema e então ele começa a ecoar.”

3. Não te esqueças de ti mesmo

“Para mim, é tudo sobre resolver um problema. Antes do Uber, eu esperava 30 a 40 minutos por um táxi que nunca aparecia. Eu sentia o problema. Eu estava, basicamente, construindo um produto para mim mesmo. Então, mesmo que os críticos dissessem ‘por que estás a fazer isso?’ eu pensava: ‘Com isto, a minha vida parece melhor.’ Sempre haverá pessoas que não entendem, mas muitas vezes acho que a razão para alguém não entender é ter pensado sobre a ideia apenas cinco minutos.”

Como é que validas as tuas ideias e em que altura é que começas a trabalhar nelas?

Partilhar:

Escrito por Francisco Tomé Costa

Francisco Tomé Costa é um empreendedor que tem vindo a trabalhar na indústria de Internet desde 1997.
É apaixonado por negócios e tecnologia.

Um comentário

Deixar comentário

Deixar comentário

O teu endereço de email não será publicado. Campos necessários estão marcados *